O estar no Sertão...

É sempre um desafio o evangelismo no Sertão pelo contexto cultural, religioso e neste ano, o político. 
O fato de ser ano eleitoral implica em várias coisas. Temos que lutar contra um “espirito” político que atua no sertão, as cidades praticamente se dividem, há muitas intrigas, discórdias, um grande jogo de interesses e ainda mais exploração do sertanejo. 
Temos entendido do Senhor a importância de andar com o espírito oposto, por isso pedimos oração por nós como equipe e por unidade entre nós como grupo.
Somos mais ou menos 170 voluntários de várias bases de JOCUM, várias igrejas, algumas nacionalidades, uma grande mistura do corpo de Cristo e queremos mesmo representá-lo nestas cidades e sítios que vamos estar.
Ontem e hoje em nosso tempo juntos ouvimos sobre o que é ser discípulo de Jesus, andando em compaixão e ação, e queremos fazer isso com Unidade como ouvimos hoje, como um só Corpo.
Orem por nós: por proteção e unidade.

Previous
Next Post »
0 comentários